Capa do post, uma ficha de um arquivo cheio de dados e informações

Afinal, o que o Instagram Sabe Sobre Nós?

O mundo digital está crescendo a cada dia e as redes sociais, sem dúvida, são responsáveis por esse crescimento.

É através delas que pesquisamos informações variadas sobre pessoas e empresas em geral.

O que as pessoas gostam, o que não gostam, onde moram, quem são seus amigos, lugares que frequentam, viagens que fazem…

Tudo isso pode ser encontrado hoje em qualquer perfil alheio, visto que o acesso é muito fácil.

Mas, quais são as reais informações que as plataformas têm sobre nós?

Já aconteceu de um dia você estar falando sobre determinado assunto com seus amigos e do nada aparecer um anúncio sobre aquilo?

Pois é, sobre isso que vamos falar hoje, porém vamos falar de uma rede social bem específica: o Instagram.

Clique aqui e descubra o porque o seu Instagram não cresce!

Lembrando que tudo o que será falado aqui foi retirado da Política de Privacidade e Dados do próprio Instagram.

Se você quiser conferir e saber mais, o link está aqui!

Que tipo de informações o Instagram coleta?

Mas afinal, o que o Instagram sabe sobre nós? Que tipo de informação ele tem sobre os usuários e como ele utiliza essas informações?

Vamos descobrir agora!

Primeiramente vamos falar dos diversos tipos de informações coletadas, então vou adotar o método que eles utilizaram na sua política de privacidade e dados ok?

Eles separaram os tipos de dados coletados em 3 tópicos:

  • Dados fornecidos pelo conteúdo dos próprios usuários
  • Informações de dispositivo
  • Informações de parceiros

Agora vamos falar de cada um desses tópicos:

1º – Dados fornecidos pelo conteúdo dos próprios usuários

O Instagram coleta tudo o que você fornece para ele, esses dados são altamente detalhados.

Em resumo, eles coletam o conteúdo das suas mensagens ou qualquer tipo de comunicação (Likes, emojis, etc).

Isso também vale para suas informações pessoais e até mesmo o que você fornece no Facebook ou qualquer outro produto relacionado.

Informações presentes no conteúdo que você fornece como, por exemplo, a localização de uma foto ou a data que a mesma foi criada.

Eles também sabem seus filtros de câmera preferidos e os perfis que despertam mais o seu interesse.

Isso vale para perfis pessoais e profissionais também.

Dados com proteções especiais

Outros itens que eles podem coletar são dados com informações especiais, essas informações podem ser adicionadas ou não pelo perfil do Facebook, como por exemplo:

  • Opção religiosa;
  • Preferência política;
  • Estado de saúde;
  • Por quem você “tem interesse”;
  • Origem racial ou étnica;
  • Crenças filosóficas;
  • Filiações sindicais;

Porém, essas informações podem estar sujeitas a proteções especiais de acordo com as leis do seu país.

Suas redes e conexões

O Instagram também coleta informações sobre as pessoas, páginas, contas, hashtags e grupos com que você se conecta e como você interage com eles.

Eles sabem por exemplo com quem você conversa mais, os grupos dos quais você é mais ativo, além dos contatos do seu dispositivo.

Isso, é claro, se você optar por carregar, sincronizar ou importar a sua agenda de contatos, registro de chamadas ou histórico de SMS.

Uso

Desde o momento que você loga a primeira vez na plataforma, eles armazenam os seus dados de uso.

Em outras palavras, eles identificam quais conteúdos você visualiza, com quais você interage, quais são os recursos mais utilizados por você, as pessoas ou contas que você conversa, o tempo que você conversa, a frequência e a duração das suas atividade quando logado.

Além de informações de como você utiliza a câmera do app, filtros, stickers e stories.

Clique aqui e descubra como usar as perguntas no Instagram Stories.

Transações

Caso você tenha feito uma compra através de um dos produtos da empresa, ou realize algum tipo de anúncio patrocinado, eles terão acesso a suas informações financeiras como:

  • Número do cartão de crédito ou débito;
  • Que bandeira você utiliza;
  • Informações de conta e autenticação;
  • Detalhes de cobrança;
  • Entrega;
  • Contato;

Informações que outros usuários fornecem sobre você

O Instagram coleta e analisa informações suas que podem ser encontradas em contas de outros usuários.

Ou seja, se alguém compartilha ou comenta uma foto sua, se te enviam uma mensagem, carregam, sincronizam ou importam as suas informações de contato.

 

2º – Informações de Dispositivo

Se você utiliza o Instagram ou Facebook em qualquer tipo de dispositivo saiba que isso é facilmente identificado.

Computadores, Smartphones, televisões, qualquer dispositivo.

Dentre as informações coletadas estão:

Atributos do dispositivos

Informações gerais do seu dispositivo como:

  • Qual o sistema operacional;
  • Versões do hardware e software;
  • O nível da bateria;
  • Força do sinal;
  • Espaço de armazenamento disponível;
  • Tipo de navegador utilizado;
  • Nomes e tipos de arquivo e de aplicativo;
  • Plugins;

Operações do dispositivo

Como você manuseia o dispositivo utilizado como por exemplo:

  • Se o aplicativo está aberto em primeiro ou em segundo plano
  • Movimento do cursor para identificar possíveis bots, em caso de uso via desktop

Sinais do dispositivo

Quais sinais estão disponíveis para o dispositivo:

  • Sinais Bluetooth;
  • Informações sobre pontos de acesso Wi-Fi;
  • Beacons e Torres de Celular;

Dados de configurações do dispositivo

Informações que você permite que a rede social acesse tal como:

  • pouco tempo depois dAcesso ao localização GPS;
  • Câmera;
  • Armazenamento de imagens na galeria;
  • Contatos do telefone;

Rede e conexões

Dados sobre as redes e conexões disponíveis para o seu dispositivo como:

  • Qual sua operadora móvel;
  • Qual o seu provedor de serviço de internet;
  • Idioma;
  • Fuso horário;
  • Número do celular;
  • Endereço IP;
  • Velocidade de conexão;
  • Dispositivos que estão nas proximidades ou em sua rede,     (Para fazer uma streaming via TV, por exemplo);

Dados de cookies

Dados de cookies armazenados em seu dispositivo, inclusive configurações e IDs de cookies.

 

3º – Informações de Parceiros

Os anunciantes, desenvolvedores de apps e o publishers podem enviar informações suas para o senhor Zuckerberg, fora do ambiente do Facebook e Instagram.

Através de API e outras ferramentas do Facebook.

Com certeza você já viu uma caixa semelhante a essa em algum site:

É através dessa (e de outras ferramentas) que eles sabem que site que você acessa, informações sobre seu dispositivo, as compras que você realiza, os anúncios que visualiza e o uso que faz dos serviços deles.

Outra forma é aquele botão “Conectar usando o Facebook” que vemos em jogos ou sites que pedem um login.

Quando você conecta utilizando o seu Facebook, eles tem acesso que você utilizou a sua conta através da API daquele site, logo, tanto o Facebook quanto o Instagram poderá apresentar algum anúncios relacionado ao nicho daquele site.

Eles recebem seus dados quando você acessa ou usa os serviços deles ou por meio de terceiros com os quais eles trabalham.

 

Eles podem fazer isso?

SIM!!!

Se você concordou com aquelas políticas (que ninguém lê) quando criou a sua conta, sim!

Lá, existe um termo que confirma a sua autorização para toda essa coleta de dados.

O Instagram exige que cada um desses parceiros tenham uma autorização legal para coletar, usar e compartilhar os nossos dados, antes de fornecê-los para eles.

Então, se você não concorda com o uso de algum desses dados citados nesse post por essas plataformas, infelizmente terá que deixar de utilizá-las.

 

Como eles usam os nossos dados?

Assim como o Google, eles utilizam os nossos dados com o propósito de aprimorar os seus próprios produtos, bem como a venda de publicidade.

Quando eles te oferecem uma sugestão de perfil, página ou grupo, eles normalmente escolhem aquilo com base nas suas informações e no seu perfil.

Por exemplo: Se você está postando muito sobre o conteúdo de um filme ou seriado, utilizando hashtags e stickers, pode ser que o Instagram te sugira um perfil voltado sobre o mesmo assunto.

Uma outra forma é através de anúncios.

Baseado nas informações coletadas, o Facebook ou o Instagram utilizam as suas informações para selecionar e personalizar os anúncios de empresas.

Através deles, são divulgadas ofertas e outros conteúdos patrocinados que sejam interessantes para determinados grupos de pessoas.

Dessa maneira, a plataforma ajuda os anunciantes a investir naquele público que possui mais interesse pelos seus produtos ou serviços.

 

Ficou paranoico(a)?

 

Essa sensação de estar sendo vigiado só cresce quando você descobre o quanto as empresas sabem sobre você.

Para que as empresas existam, elas precisam que as pessoas consumam. E uma coisa que sempre falam é: Nada é de graça nessa vida.

Se vocês nunca suspeitaram o porque serviços como o Instagram, o Facebook e o Google não são pagos para as pessoas, acho que agora eu trouxe essa resposta.

São as empresas que sustentam esse grande negócio utilizando os dados coletados pelas plataformas.

Por fim, escolha bem o que você posta e fornece para as redes, informação nas mãos erradas pode ser perigoso.

De qualquer forma, eu espero ter ajudado e tirado algumas dúvidas em relação a essa assunto.

Existem diversos posts sobre o Instagram aqui no blog, como o do Shadowban, fica ai o link para quem estiver interessado, certamente pode te ajudar.

Comenta aí embaixo se você se sente vigiado.

Já aconteceu de aparecer um anúncio logo após de você comentar com alguém? Diz aí para mim! Vou adorar saber!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *